Fique Mais Forte e Viva Mais

Hoje eu decidi escrever para vocês sobre a importância dos músculos do nosso corpo para vivermos com mais independência e disposição.

Mas antes deixa eu te contar duas histórias…

Primeiro eu quero falar da Maria…

Ela tem 70 anos e, depois que se aposentou, fica por conta de cuidar da casa e da família. No entanto, ela esqueceu de cuidar de si mesma há um tempo.

Ela está acima do peso, toma remédio para controlar a pressão e o colesterol, sente dores nos joelhos e anda com dificuldade, devido à artrose nos joelhos e nunca fez atividade física.

Toda vez que precisa ir ao supermercado, precisa contar com a ajuda dos filhos ou dos netos, pois pra ela é difícil carregar as compras e até mesmo pegar alguns itens no supermercado.

A Maria dificilmente sai de casa e vive sem ânimo para quase tudo… não sai para dançar por causa da dor no joelho, não gosta de viajar, pois tem dificuldade para nadar… também não encontra as amigas, porque está sempre cansada.

A outra história é bem diferente….

Ela é sobre a Ana, que também tem 70 anos e também é aposentada.

Só que a Ana mora sozinha no segundo andar de um sobrado, cuida da casa, sobe e desce as escadas sempre que precisa ir ao supermercado, farmácia ou à academia para fazer musculação, carrega as compras sozinha, gosta de viajar e de brincar com seu neto de 3 anos.

As duas pessoas têm a mesma idade, mas com estilo de vida totalmente diferentes.

Enquanto Maria sofre com as dores, gasta dinheiro com remédios e tem uma vida com mais limitações físicas.

Ana vive a vida com mais alegria e liberdade, porque sua saúde e condição física a permitem fazer o que ela deseja fazer. Ou seja, ela faz as tarefas domésticas com mais facilidade e rapidez, se diverte com os netos e até viaja para lugares novos sem se preocupar se tem que andar muito ou se tem escadas para subir.

E agora me responda: o que você acredita que seja a principal diferença entre elas?

Pensou?

Eu vou te contar…

A diferença entre os dois estilos de vida é reflexo da saúde e da capacidade física.

E o item que mais faz diferença nessa situação é a força dos músculos do corpo de cada uma.

Sim, a grande maioria das pessoas não percebeu a importância deles para a qualidade de vida, mas eles são os principais responsáveis por toda a independência e disposição da Ana.

Só que a maioria das pessoas por desconhecerem isso, acabam não cuidando com a devida atenção.

E com isso sofrem as consequências.

É por esse motivo que eu decidi escrever esse artigo.

E o meu único objetivo é conscientizar as pessoas sobre a importância de cuidar dos músculos para viver mais e melhor.

força muscular após os 60 anos

Para se ter uma ideia de sua importância, foi publicado um estudo científico em setembro de 2018, considerando a massa muscular (quantidade de músculos) como um importante marcador de saúde, assim como a pressão sanguínea e frequência cardíaca. Isso porque constatou-se que a baixa massa muscular está relacionada a uma vida mais curta e uma velhice com doenças.

Isso significa que as pessoas mais fracas têm 60% mais chance de morrer por qualquer causa, segundo outro estudo conduzido por 23 anos.

Dessa forma, é preciso entender que, com o processo de envelhecimento, há uma perda progressiva da massa e da força muscular, chamada de sarcopenia.

A partir dos 50 anos, essa perda começa a ser mais acentuada e vai aumentando a cada década de vida.

Após os 80 anos, uma pessoa pode ter perdido metade da sua massa muscular de quando era jovem.

Sem dúvida, a perda da força muscular é a principal mudança física relacionada à idade, que gera uma série de dificuldades no dia-a-dia das pessoas, como por exemplo:

• Andar
• Subir degraus e escadas
• Se levantar do chão, do sofá ou da cadeira
• Cuidar do neto
• Torcer roupas
• Carregar as compras e objetos
• Abrir potes de vidro e objetos com as mãos

Portanto, se as pessoas não fizerem nada a respeito para interromper essa perda muscular, em um futuro bem próximo, elas terão problemas de mobilidade, incapacidade física, dependência funcional, perda da qualidade de vida e morte precoce.

Assim, a pergunta que fica é: como é possível cuidar dos músculos, evitando a sua perda e suas consequências?

Se o problema é a perda de força muscular, então, a solução é fortalecer os músculos. Para isso, você pode fazer musculação, pilates, ginástica ou treinamento funcional.

O Importante é não ficar parado!

Além de melhorar a sua força muscular e manter o seu corpo mais forte e saudável, os exercícios de fortalecimento muscular também vão te ajudar a:

• emagrecer
• ter mais equilíbrio, reduzindo as chances de sofrer uma queda
• reduzir as dores nos joelhos e nas costas
• te dar mais agilidade, resistência física, flexibilidade e mobilidade das articulações

Além disso fortalecimento muscular é o melhor exercício para combater e tratar a osteoporose.

E ainda:

• Melhora o colesterol, a diabete e a pressão arterial
• Previne doenças como câncer e depressão
• E reduz drasticamente as chances de morrer por todas as causas

Assim que você começar a praticar exercícios de fortalecimento muscular você vai perceber esses benefícios no seu dia-a-dia.

  • Vai ver que terá mais folego para subir escadas;
  • Mais facilidade para se levantar da cadeira;
  • Mais energia para brincar com seu neto;
  • E até mais vontade de passear com a família sem se preocupar se está atrapalhando o passeio.

E mais uma série de benefícios que eu poderia ficar horas aqui listando para você, mas que eu posso resumir dizendo que você vai viver por muito mais tempo e principalmente com muito mais saúde e qualidade. Realmente desfrutando da vida!

Mas, um ponto muito importante é que você escolha o exercício certo para a sua idade e que respeite a sua condição física atual, para evoluir com segurança e sem riscos de se machucar.

E foi justamente para te ajudar a iniciar esse processo de fortalecimento muscular que eu criei o Programa Longevidade com qualidade!

Ele foi construído especialmente para quem tem mais de 60 anos e é perfeito para quem está completamente sedentário e precisa iniciar uma atividade, como também para quem já faz alguma atividade como caminhadas, por exemplo, mas sente que precisa de uma atividade mais completa, que ajude a fortalecer os músculos de maneira de certa.

Quer saber mais detalhes sobre esse programa completo e feito especialmente para você?
Clique no link desse vídeo e descubra agora mesmo.

Eu posso te garantir que ele será a sua porta de entrada para uma nova vida mais saudável e feliz!

E se tiver alguma dúvida, me envia uma mensagem e vamos conversar.

Ah! E não esqueça de compartilhar esse material com os seus amigos!

Um abraço e até o próximo artigo.

 

Denize Terra

Personal Trainer
Especialista em Longevidade

Exercicios para idosos

2019-04-04T16:03:06+00:00